Valor de imóveis à venda ficou 1% mais em conta no 1º tri

 

De janeiro a março, o preço médio dos imóveis residenciais disponíveis para venda no país ficaram 1% mais baratos em relação a idêntica etapa de 2016. A performance significou o terceiro recuo trimestral consecutivo, como aponta o Índice DMI-VivaReal (Dados do Mercado Imobiliário).

Promovido pelo portal VivaReal, o levantamento tem como base mais de 2 milhões de anúncios de imóveis em 30 cidades brasileiras. O valor das unidades no intervalo ficou em média R$ 4,8 mil/m², quantia mais baixa desde o quarto trimestre de 2015.

Dos municípios analisados, a maior redução nominal foi de Natal (-3,42%), seguida por Brasília (-1,63%), São Paulo (-0,87%), Niterói (-0,67%) e São Bernardo do Campo (-0,12%).

Por sua vez, a capital federal liderou com os imóveis mais valorizados no primeiro trimestre, com média de R$ 8.111/ m², ao lado  e Rio de Janeiro (R$ 7.310/m²), São Paulo (R$ 6.825/m²), Recife (R$ 6.207/m²) e Vitória (R$ 5.755/m²).

Locação

Já o preço médio do aluguel residencial no Brasil atingiu a marca de R$ 23,08/m² no trimestre inicial do ano, uma retração de  ,7% na mesma base comparativa anual.

Das 30 cidades pesquisadas, 24 apresentaram decréscimo nominal nas locações. As maiores reduções foram em João Pessoa (-15,2%), Niterói (-11%), Porto Alegre (-10,3%), Londrina (-9,4%) e Salvador (-8,5%).

São Paulo registrou o aluguel mais valorizado do país, com R$ 35,38/m²/mês. Os bairros paulistanos mais procurados para locação foram Vila Mariana, Bela Vista, Pinheiros, Tatuapé, Moema, Butantã e Perdizes.

Já o Rio de Janeiro apareceu na segunda posição com o aluguel médio mais elevado (R$ 33,06 /m²/mês), seguido por Brasília (R$ 32,05/m²/mês), Santos (R$ 29,63/m²/mês) e Recife (R$ 25,71/m²/mês).

 

Fonte: www.vivareal.com.br

 

Guia Você Busca – Impresso – Pág. 26.

Edição 62 – Ano 6 – 2017 – Vale do Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado