Tour Virtual realidade que já está aí!

 

Adorei essa cozinha, é bem maior que eu imaginava! – Falando em tom alto, essa é a reação de Fátima Pavani de 42 anos, ao ouvir esta frase é fácil deduzir que ela está visitando um imóvel que deseja comprar, mas Fátima está em um stand de vendas de uma imobiliária montado em um Shopping Center na zona sul de São Paulo, estendendo as mãos para frente como se quisesse tocar nas paredes, ela está usando um óculos de realidade virtual.

Ao terminar a experiência, ainda entusiasmada com a novidade, Fátima conta que foi ao shopping para almoçar com a irmã e em menos de seis minutos acabou visitando dois apartamentos sem sair do lugar, isso só foi possível porque a imobiliária criou o tour em realidade virtual desses imóveis.

A corrida do ouro!

O mercado imobiliário entrou literalmente de cabeça nessa tecnologia, desde grandes construtoras até pequenas imobiliárias entraram nesta corrida para ganhar eficiência, tempo, clientes e consequentemente dinheiro. Vamos levar em consideração os dois maiores desafios de um profissional do mercado imobiliário. O primeiro é que eles têm que administrar o tempo gasto entre uma visita e outra, enfrentando o trânsito e vários outros fatores que estão fora do seu controle. O outro está diretamente relacionado à frase mais usada no mercado imobiliário: “Não é como as fotos mostram”.

A realidade virtual pode ajudar a resolver ambos os problemas. Ela oferece a possibilidade de, virtualmente, visitar uma quantidade maior de imóveis em muito menos tempo. Isso vai, consequentemente, aumentar a eficiência das vendas, assim como permitir a interação com muito mais potenciais compradores, além do custo beneficio.

Imóveis abertos 24h por dia!

Quanto esforço é empregado pelo corretor para realizar uma visita? Agenda com o cliente, agenda com o proprietário, reserva as chaves… Então o cliente cancela em cima da hora ou confirma a visita e não aparece. Quantas dessas visitas acabam sendo atoa? Não parece um gasto de tempo e dinheiro em esforços desnecessários?

Por que insistir em tantas visitas presenciais, quando é possível dar ao cliente a possibilidade de uma visita virtual através de recursos como Tours 360°e Realidade Virtual? Acredite, essas ferramentas permitem transmitir a mesma sensação de presença física ao imóvel, só que de forma virtual. Desta maneira o cliente pode selecionar apenas os imóveis que lhe atendem para conhecer pessoalmente na próxima etapa da negociação.

Não para por ai!

Uma das empresas pioneiras no desenvolvimento de conteúdos em Realidade Virtual não parou apenas no setor imobiliário.
“Nós começamos atendendo grandes construtoras que queriam estar um passo a frente e driblar todos os desafios que o setor impõe, depois começarmos a atender desde imobiliárias até corretores autônomos que enxergaram na tecnologia a oportunidade de se destacar e ganhar clientes, hoje desenvolvemos conteúdos em realidade virtual para casamentos, escolas, saúde, shows e eventos. É normal que em um primeiro momento exista uma certa barreira entre o mercado e a tecnologia, foi assim com os computadores, smartphones e compras online, lembra? Alguns anos atrás se você dissesse que pessoas comprariam produtos pela internet, provavelmente muitos diriam que isso não funcionaria, hoje, segundo pesquisas, o numero de compras online ultrapassou as compras em lojas físicas. Atendemos imobiliárias onde cada corretor tem seu equipamento e levam os imóveis na casa ou trabalho dos seus clientes, com a realidade virtual. Noivos que querem gravar o casamento em realidade virtual para que amigos e familiares possam ter a sensação de estar no casamento novamente sempre que quiser. Escolas levando alunos para conhecer Vulcões, Sistema solar e Dinossauros, sem sair da sala de aula, usando esta tecnologia.”  Wanderson Leite (Diretor da empresa Asas VR).

Recentemente duas gigantes da internet, Facebook e Netflix, anunciaram que estão desenvolvendo conteúdos em realidade virtual. A Citroen lançou este ano o “Citroen St@rt”, venda de veículos pela internet, você pode escolher os detalhes do seu carro e realizar a compra pelo próprio site. Alguma duvida que esse é um caminho sem volta? O trato pessoal, a consultoria com corretores, continuará sendo insubstituível, mas as ferramentas que esse corretor deve usar já mudaram.

Por Luciana Vaz Camargo, Jornalista.

 

 

 

Guia Você Busca – Impresso – Pág. 12.

Edição 70 – Ano 6 – 2017 – Vale do Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado