Boas perspectivas para 2018

 

Mesmo diante das incertezas do ano passado, as perspectivas econômicas para 2018 são muito boas. As sucessivas reduções na inflação e na taxa de juros, que chegou ao patamar de 7% em dezembro, recorde histórico no Brasil – além da gradual recuperação no nível de emprego, recorde na Bolsa de Valores, controle do câmbio e entrada de investimentos estrangeiros
-, contribuíram para a retomada da confiança do consumidor.

Já para 2018, as expectativas para os municípios da RMVale e o País são ainda maiores, afirma Frederico Marcondes César, vice-presidente do Interior e diretor Regional do Secovi na Região Metropolitana do Vale do Paraíba. “Estamos confiantes de que a normalidade seja alcançada neste ano.

Aqui, na RMVale, começamos a sentir uma boa movimentação nos plantões. Muitos compradores voltaram a fazer consultas e a
pesquisar imóveis, e as empresas também passaram a buscar novos negócios”, afirmou. Balanço – No campo empresarial, o ano de 2017 foi marcado pela capacitação profissional, pelo aprimoramento de serviços e, também, pela busca por soluções criativas e inovadoras nas companhias.

Na Regional do Secovi na Região Metropolitana do Vale do Paraíba, não foi diferente. Houve diversas ações voltadas à qualificação e à disseminação de informações e ao conhecimento para gestores condominiais, administradoras de condomínios e empresários do setor.

A entidade também esteve à frente de diversos debates políticos e econômicos, sempre se posicionando de forma clara e com o objetivo de trabalhar pelo fortalecimento de seus representados e pelo crescimento do País.

Ao longo de 2017, a Regional RMVale promoveu ainda diversos encontros, palestras e cursos, com número crescente de participantes, sempre abordando os assuntos mais relevantes para o setor.

Tivemos grande destaque entre parceiros com o Encontro Secovi de Mercado de São José dos Campos, uma expressiva participação de representantes do Interior na Convenção Secovi, por meio de um painel específico da área, e um grande reconhecimento pelos eventos realizados na Regional com palestrantes de reconhecida experiência em seus segmentos.

“A Regional intensificou sua participação em debates políticos e econômicos, como a discussão da nova Lei de Zoneamento e do Plano Diretor. Ganhou força na região perante seus pares, e registrou um número significativo de presença em eventos. Certamente, o resultado foi muito positivo”, pontuou.

Frederico Marcondes César salientou, ainda, que a Regional pretende impulsionar a atuação do Secovi-SP no interior paulista, que conta com grande representatividade no PIB estadual, crescimento populacional e boas perspectivas econômicas em geral.

 

Guia Você Busca – Impresso – Pág. 14.

Edição 71 – Ano 7 – 2018 – Vale do Paraíba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado